top of page
Buscar Questão

Digite um trecho da questão com 3 até 10 palavras. Evite equações ou fórmulas. Clique em 'Buscar Questão'.

Específica Title

Específica Title

Específica Title

Vestibular

Questão

Nível

Enviar

Errou

Acertou

Ainda não fez

Gabarito

Avisos

O gabarito dessa questão ainda não foi cadastrado em nosso banco de dados.
Desculpe-nos pelo transtorno.

Essa questão ainda não possui resolução comentada.

pdf_001.png
Nas observações astronômicas de estrelas, galáxias e outras fontes de luz, podemos determinar a velocidade das fontes medindo o deslocamento Doppler da luz detectada. Se uma estrela está em repouso em relação a nós, detectamos a frequência da luz emitida pela estrela, f, com a frequência própria f_0. Se a estrela está se aproximando ou se afastando, a frequência da luz detectada aumenta ou diminui por causa do efeito Doppler. Uma possível configuração para o deslocamento Doppler para ondas eletromagnéticas está representada na equação a seguir.
\begin{center}
f = f_0 \sqrt{\frac{1 - \beta}{1 + \beta}}
\end{center}
O coeficiente \beta é dado pela razão v/c, em que v é a velocidade do observador e c é a velocidade da luz. Em relação ao efeito Doppler para luz, assinale V (verdadeiro) ou F (falso) para as alternativas.
\begin{enumerate}[label=\alph*)( )]
\item A configuração representada na equação se refere para o caso em que o observador se afasta da fonte (estrela).
\item Para o caso em que o observador se aproxima da fonte (estrela), o coeficiente \beta deve ser substituído por -\beta.
\item Quando a fonte (estrela) se afasta do observador, o deslocamento Doppler é chamado de deslocamento para o vermelho (o comprimento de onda observado é maior que o comprimento de onda próprio).
\item Quando a fonte (estrela) se aproxima do observador, o deslocamento Doppler é chamado de deslocamento para o azul (o comprimento de onda observado é menor que o comprimento de onda próprio).
\end{enumerate}
stripBackgroudGeral.png

Avisos importantes...

bottom of page