top of page

Vestibular

Questão

Nível

Enviar

Errou

Acertou

Ainda não fez

Gabarito

Avisos

O gabarito dessa questão ainda não foi cadastrado em nosso banco de dados.
Desculpe-nos pelo transtorno.

Essa questão ainda não possui resolução comentada.

pdf_001.png
Cárie dentária no interior do dente é difícil de ser detectada. Para resolver este problema, pesquisadores desenvolveram um dispositivo que possibilita a detecção precoce desse tipo de cárie por meio de medidas elétricas, realizadas diretamente nos dentes dos pacientes. Um pesquisador, utilizando a montagem experimental mostrada na figura a seguir, caracterizou o comportamento elétrico de dois dentes, um preservado sem fissuras (Amostra 1) e um outro, fissurado, com cárie (Amostra 2). A caracterização é realizada aplicando-se uma tensão contínua de valor U nos eletrodos, por um certo período de tempo, até a abertura da chave (CH). Um osciloscópio é utilizado para monitorar o valor da tensão nos eletrodos (U_{Eletrodos}), em função do tempo.
\begin{center}
\end{center}
\begin{center}
\end{center}
Após observar o comportamento elétrico de cada uma das amostras, pode-se afirmar que os circuito elétricos equivalentes às amostras 1 e 2, são, respectivamente,
(Legendas: R_{Dente}: Resistência elétrica do dente; C_{Dente}: Capacitância do dente com cárie.)
\begin{enumerate}[label={\Alph*})]
\item 
\begin{minipage}[c]{0.8\textwidth}
\item 
\begin{minipage}[c]{0.8\textwidth}
\item 
\begin{minipage}[c]{0.8\textwidth}
\item 
\begin{minipage}[c]{0.8\textwidth}
\item 
\begin{minipage}[c]{0.8\textwidth}
\end{enumerate}
bottom of page